quinta-feira, 25 de janeiro de 2007

Arroubos poéticos (mais pra arrombos.... hehehe)

Eu disse

eu disse:
"nunca mais quero te ver,
Eunice".
Deixar pra trás todo amor, todo horror, toda chatice.

O que passou, passou, acabou,
Eunice.
"Nunca mais, até mais, so long",
Eu disse.

** **

Lembro

... Agosto, setembro,
outubro,
novembro...
E eu
ainda
lembro.

Do dia,
um dia,
eu,
você:
aquela agonia.

Você,
no seu afã,
até parecia...
uma ressaca
de Gudam-Garam.

Um comentário:

Cesar disse...

Todo vanguardeiro