segunda-feira, 15 de agosto de 2005

Em defesa do PT
Bernardo Jurema

Como qualquer cidadão, ainda mais militante de esquerda, estou triste e decepcionado diante das atuais acusações contra o Governo Lula e o PT.Dito isto, acho importante colocarmos os acontecimentos políticos em perspectiva. Passada a fase de perplexidade, é necessário olharmos para o noticiário de forma crítica e tentando ver as coisas a partir de um ponto de vista histórico.Nunca vi um eleitor do PSDB deprimido porque, para citar apenas um exemplo, o partido tenha comprado votos (R$ 200,000 por cabeça) para aprovar a reeleição de FHC. Essa crise, que é política mas não institucional (é relevante deixar isto claro), só acontece porque é o PT em questão. O PT paga o preço de ser um partigo orgânico, de base e transparente. Convenhamos, não foi este partido que inventou a corrupção no Brasil. A se levar a sério ilustres parlamentares, como Artur Virgílio e Jorge Bonrhausen, e setores da Imprensa (como o Primeira Leitura), até três anos atrás o Brasil era um exemplo de transparência. Me poupe.Certos setores conservadores - no combate político e social, não necessariamente econômico, frise-se - não toleram a idéia da emergência de uma nova classe social; em certa medida, trata-se, sim, de conflito de classes - ainda que mais cultural que qualquer outra coisa.Também é o PT, até por ser o único partido de fato nesse país, o mais transparente (alguém sabe quem é o presidente e secretário de algum outro partido?). Esse governo, mais do que qualquer outro, é o mais sujeito a pressão da sociedade - para o bem e para o mal. Mês passado, houve um encontro de especialistas do Brasil inteiro para discutir educação infantil. Por outro lado, a ANCINAV não foi implantada.Além disso, há também inexperiência no manejo da máquina do poder - ou, dizendo, de outra forma, incompetência política. Que levou às CPIs. Aliás, com o apoio de parlamentares petistas. Nos 8 anos de FHC e nos 10 anos do tucanato paulista, nunca houve nenhuma CPI sequer.Não quero dizer com isso que o PT seja inocente. Sua cúpula cometeu crimes, que estão sendo averigüados em vários âmbitos, e deverá pagar caro (sem trocadilho). Mas é cinismo e hipocrisia querer generalizar. Não podemos esquecer a história e o papel do PT na democracia brasileira, as políticas públicas inovadoras e inclusivas desenvolvidas pelo partido, e nem que este governo, apesar de tudo, é o que mais tem combatido a corrupção - o corregedor geral da República e a PF estão aí para provar.Virgílio, Bornhausen, tucanos e pefelistas, posando agora de arautos da moralidade pública é demais. A ânsia de certos setores conservadores em desmoralizar o PT é fruto do medo do único grande partido brasileiro de esquerda que, apesar de tudo, ainda é o maior e melhor canal que liga movimentos populares ao processo político e é, por isso mesmo, ainda, a única possibilidade de um governo popular e de esquerda. Defender o PT é, ademais, defender um patrimônio de nossa história política recente.

2 comentários:

Jorge disse...

Corroboro plenamente a sua idéias Bernardo e mais; a singularidade da história do Partido dos Trabalhadores, um partido que transformou operários, de fato, em sujeitos ativos da vida política, aliado a uma intelectualidade lúcida e combativa, não é tolerada por partidos que se sustentam na tradição clientilista e patriarcalista brasileira. O principal reflexo disso é a postura da grande impressa: eles não toleram a alternância de poder, eles não toleram a origem do presidente e a militância altruísta que o partido construiu, eles confundem público e privado, eles não toleram, sobretudo,o êxito de uma esquerda sensata e consciente da conjuntura internacional, e portanto, disposta a um dialogo multilateral.
É curioso que em casos de corrupção em outros partidos é sempre os indivíduos isoladamente que são mencionados e criticados, já no caso dos do PT é sempre o partido, não o Delúbio ou Dirceu que pagou o mensalão, mas o PT; é sempre o PT isso, o PT aquilo, já o com PSDB, é o Azeredo,com o PFL é o bispo.
Na prática, o PT é a única ameaça concreta, ou seja, com possibilidade de alcançar o poder e transformar ainda que lentamente alguma coisa, que a grande impressa oligárquica e os partidos tradicionais vêem contra seus interesses, por isso o erros de uns poucos está custando o sagramento público e injusto de quase todos.

Rogerio disse...

Bernardo meu caro. Desculpe-me mas vc esta ficando patetico! Cego e saudosista! Nao vou rebuscar meu texto, vai ser nu e cru.

"Também é o PT, até por ser o único partido de fato nesse país, o mais transparente (alguém sabe quem é o presidente e secretário de algum outro partido?)." TRANSPARENTE? Como assim? E quem sabia quem era o todo poderoso Delubio Soares antes desse escandalo todo vir a tona? Quem sabia quem era Marcos Valerio, que vai a portugal como acessor da presidencia? E que sustenta o PT, pagando ate contas particulares do presidente(O Lula atribuiu a esse fatoum "erro contabil" e encerrou o assunto...)

O PT sempre foi tao combativo quando oposicao, a ponto de fritarem, por exemplo, o Eduardo Jorge ( O Dirceu confessou publicamente que sabe de sua inocencia) e, se tivesse denuncias mais fortes na epoca de FHC, de fato as teria feito, ora bolas!

Agora vem a tona mais uma mentira do PT, de que o "financiamento caixa2 das campanhas" vinha de emprestimos do Banco Rural. EMPRESTIMOS? Maquiagem pura! Eram doacoes nao computadas, depositadas nas contas do PT do Banco Rural da Ilha da Madeira! Lavagem de dinheiro descarada! E o Dirceu diz pro Brasil todo que nao sabia de nada!

E vai o Lula se passar agora por TRAIDO? Vc acha q ele nao sabia td que o Delubio e o Dirceu faziam? E se, por absurdo ele nao soubesse de nada, ele continuaria igualmente responsavel por TUDO, repito TUDO que os petistas, dentro ou fora do governo, aprontaram.. Simplesmente pq ele foi eleito presidente para GOVERNAR e nao para IGNORAR tudo que se passava na sala ao lado da dele!

Pq vc nao fala no blog sobre o emprestimo que o PT fez ao Lula e q o Marcos Valerio saldou? E sobre fato do filho do Lula ter uma empresa bancada pela Telemar? E sobre o cartao de credito do filho do Lula, com fatura em 2004 de mais de 150mil, pagos pela DNA do Marcos Valerio?

E nosso presidente, que nunca na vida gostou de trabalhar, esta agora mais distante do planalto do que nunca, preocupado em continuar sua tatica Chavista, iludindo os humildes, de que "As Zelite" tao querendo derruba-lo... Patetico, deploravel, deprimente, repugnante...

Sem querer me apoderar de cliches, mas o piro cego eh aquele que nao quer enchergar...

Vc, que votou no PT, foi enganado, traido. O Lula nao!